Zé Rafael comenta extinção dos 'camisas 10': 'Hoje em dia virou só número' - Mg Noticias.net

Mg Noticias.net

Mg Notícias aqui você fica bem informado!

Zé Rafael comenta extinção dos 'camisas 10': 'Hoje em dia virou só número'

Zé Rafael comenta extinção dos 'camisas 10': 'Hoje em dia virou só número'

Share This


O número 10 dentro do futebol sempre foi um significado de referência, categoria e boas exibições. São vários os exemplos: Pelé, Maradona, Ronaldinho Gaucho, Zinedine Zidane, Neymar... No Bahia, a responsabilidade atual é de Zé Rafael.



Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (1º), o jogador falou sobre as mudanças e o fim do estilo "camisa 10" dentro do futebol. Para ele, carregar o novo número não tem sido pesado.



"Tem diversas formas. Antigamente era uma só. Os craques que usavam. Hoje em dia o futebol mudou, evoluiu. Você não vê um 10 realmente antigo, craque, com capacidade de definir. Para mim hoje em dia isso virou só número. Não se vê mais o 10 clássico como antigamente. Difícil encontrar jogador com essas características. Geralmente não dá muito certo. Você não vê um cara que não marca, que não acompanha , que não preenche a parte tática como tinha antigamente que era o cara que ficava só para resolver o jogo. Eu fico tranquilo com isso.  Não me empolgo por usar essa camisa, não fui eu que escolhi. É continuar trabalhando e fazer o que for melhor, o que o Guto pedir", declarou.



Questionado sobre ter sido chamado de "fominha" por parte da torcida, Zé Rafael se defendeu da alcunha e explicou que existem tomadas de decisão durante as jogadas.



"Muita gente cobrava isso de mim porque nunca jogou bola. Não sabe que a tomada de decisão tem que ser extremamente rápida ou que você espera o companheiro melhor posicionado para fazer a melhor escolha da jogada. COntinuo repetindo. Para mim tem jogadas que eu prendo, tem outras que acelero e tomo a decisão errada, isso é muito do momento. Se eu tiver que continuar fazendo isso a minha vida inteira vou fazer e não vou mudar porque as pessoas estão me criticando. É uma característica de jogo que proporciona muitas vezes esse tipo de jogada. Se eu mudar meu estilo porque as pessoas estão criticando eu vou estar fazendo a coisa errada", indicou.



Com Zé Rafael, o Bahia volta a jogar no próximo domingo (4), contra o Jacobina, pela quarta rodada do Campeonato Baiano.

Nenhum comentário:

Pages