Aumento de passagem de barco para o Morro de São Paulo revolta moradores da região - Mg Noticias.net

Mg Noticias.net

Mg Notícias aqui você fica bem informado!

Aumento de passagem de barco para o Morro de São Paulo revolta moradores da região

Aumento de passagem de barco para o Morro de São Paulo revolta moradores da região

Share This


Moradores da cidade de Cairu, no sul baiano, procuraram o BNews nesta semana denunciando o aumento, considerado abusivo, na taxa de transporte de barco e lancha entre Gamboa e Morro, na Ilha de Tinharé. A travessia dura cerca de 20 minutos. O novo valor, R$ 2,50, entrou em vigor na segunda-feira (18).

A tarifa de utilização dos terminais foi definida pela Transportes Dattoli LTDA, que em dezembro deste ano, após a realização de um contrato emergencial, assumiu a administração dos terminais de  Morro de São Paulo, Gamboa do Morro e Boipeba. A licitação foi feita pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba). 

“Sabemos que estamos passando por um momento difícil no país, mas isso não justifica tamanha exploração com os assalariados, que pagam quase RS 300 de passagem mensal por um trajeto curto. Os trabalhadores não têm o direito de entrar na embarcação mesmo pagando porque a prioridade é o turista. Sem falar das péssimas condições dos terminais, sem um banheiro para os usuários. Trabalhamos em Morro de São Paulo e pagamos o valor mais alto em passagem marítima de todo o Brasil. Queremos uma análise dos órgãos competentes e fiscalizadores”, diz o trabalhador Emerson Cavalcante.

Outra moradora da localidade, Taiane Santos da Silva, reclama que a população não foi avisada sobre o aumento com antecedência. A Associação de Transporte Marítimo (Astram) determinou que, a partir desta quarta-feira (20), a cobrança das taxas de embarque para turistas e nativos seja feita somente nos terminais.

“No domingo (17) nos surpreendemos com um imenso cartaz da empresa Dattoli comunicando um aumento e cobrança de taxa de nós moradores e trabalhadores, passando a cobrar abusivamente R$ 2,50 e nos obrigando comprar a passagem no guichê. Um tremendo absurdo, e sem contar que o aviso do aumento foi para segunda-feira (18). Falta de respeito”, desabafa. 

Por causa do aumento, os trabalhadores da região organizam um abaixo assinado para reduzir o valor a R$ 2, além disso, realizam, nesta quarta-feira (20), uma manifestação no cais do Morro de São Paulo.  “Tem sido abusivo a maneira com que os administradores dos terminais têm aumentado duas, três vezes no ano a passagem”, reclama Cíntia Luz, moradora da região

Nenhum comentário:

Pages