9 de setembro de 2017

Deborah Secco rebateu criticas após afirmar que traiu todos os seus namorados



A atriz Deborah Secco falou sobre as críticas que recebeu após admitir que traiu todos os ex-namorados.

“O que mais me chocou foi ver que as maiores críticas vieram de mulheres. É inadmissível que em 2017, com o enorme movimento pela liberação feminina, 90% das que comentaram o fizeram para se pronunciar contra mim. É muito triste que as mulheres não se defendam, não lutem pela liberdade mínima de aceitar que a gente pode, sim, trair o homem. Como os homens traem a gente”, declarou a atriz.

“Traí todos. E fui traída por quase todos. Não me orgulho, mas não vou mentir. Não tenho necessidade de ser vista pelos homens como gostosinha, bonitinha e boazinha. Se algum quiser ficar com outra para não ser traído, que seja feliz. Comigo é vida real. É terrível ver mulheres que só são fiéis porque acham que é o certo. Isso é muito retrógrado. Quem quiser trair, que traia”, acrescentou.

Deborah comentou ainda relações abusivas antigas e contou que já foi trancada em um quarto por um namorado, que queria impedi-la de comer.

“Dizia que eu estava gorda e que, se continuasse assim, ele não iria me querer mais. Nunca, mas tive medo de apanhar. Sofri muitas agressões verbais. Um deles dizia que eu só era bem-vista e tinha amigos por ser namorada dele… Eu era cega, viciada nesse tipo de relacionamento”, afirmou.

Ao ser questionada sobre a exposição de sua filha, Maria Flor, de 1 ano e 9 meses, a atriz disse que não pode bancar seguranças, como a cantora Sandy, mãe de Theo, para proteger a pequena dos cliques dos paparazzi.

“Sempre tive certeza de que não conseguiria evitar a exposição dela. Não tenho o dinheiro da Sandy, não ando cheia de seguranças e não moro em Campinas”, explicou.



Veja e Bahia.ba

COMPARTILHAR

Autor:

O MG NOTÍCIAS.NET é um blog de conteúdo noticioso, com Foco em todos os tipos de notícias sobre Política, Economia, variedade, polícia, política, esporte, Saúde, tudo que é notícia está aqui. Está no ar desde o dia 10 de Fevereiro de 2013.

0 comentários: