Sindicância detecta irregularidades na aposentadoria de Dilma Rousseff - Mg Noticias.net

Mg Noticias.net

Mg Notícias aqui você fica bem informado!

Sindicância detecta irregularidades na aposentadoria de Dilma Rousseff

Sindicância detecta irregularidades na aposentadoria de Dilma Rousseff

Share This


Auditores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) detectaram irregularidades na aposentadoria da ex-presidente Dilma Rousseff, realizada no dia 01ª de setembro de 2016, um dia após ser deposta no Senado Federal. De acordo com o portal Uol, a presidente recebeu o benefício sem entrar na fila, assim como todos os brasileiros fazem e recebeu o valor máximo permitido por lei, de R$ 5.189, mesmo sem apresentar todos os documentos exigidos. Os auditores teriam identificado que o ex-ministro da Previdência, Carlos Gabas (PT), teria ido à agência do INSS em Brasília acompanhado de uma secretária de Dilma para efetivar a aposentadoria da petista em poucos minutos. A investigação aponta que a servidora do INSS Fernanda Doerl utilizou de informações não comprovadas para calcular o tempo de serviço da ex-presidente. Não havia, por exemplo, um comprovante de órgão federal que atestasse o período que Dilma foi anistiada. Foi utilizado, em seu lugar, um documento estadual. Carlos Gabas foi suspenso do serviço público por dez dias. Fenranda Doerl levou uma advertência e a ex-presidente Dilma teve a conta de R$ 6.188 cobrada pelo governo, referente ao primeiro benefício recebido acrescido de juros. Dilma, no entanto, recorreu da decisão.

Nenhum comentário:

Pages